diadomedico crmpa2
 

A programação do Dia do Médico do Conselho Regional de Medicina do Estado do Pará começou no dia 17, quando o corpo de Conselheiros homenageou o patrono da Semana do Médico, o oftalmologista, Joaquim Marinho de Queiroz.
 
“Com 90 anos de idade, o médico não parou as atividades e exerce a medicina com amor, ética e dignidade. Com isso, não teria nome mais adequado do que Joaquim Queiroz para ser o homenageado de 2016”, disse o presidente do CRM-PA, Paulo Sérgio Guzzo, durante a abertura do evento, que contou com a presença de conselheiros, médicos, autoridades e familiares de Joaquim Queiroz.
 
Nascido em Marabá, Joaquim Marinho de Queiroz, iniciou seus estudos da Faculdade de Medicina e Cirurgia do Pará, em 1944. Em 1947, mudou-se para Belo Horizonte, já pensando na residência em oftalmologia. Após dois anos de residência foi para os Estados Unidos fazer o curso de Anatomia Patológica Ocular. Ao voltar para o Brasil, continuou na atividade universitária com intenso trabalho docente, colaborando no ensino e participando de congressos da especialidade.
 
A saudação ao homenageado foi feita pela corregedora do CRM-PA, Fátima Couceiro, que enfatizou a trajetória de Joaquim Queiroz até hoje. “Inúmeras têm sido as participações e contribuições do profissional na medicina e na sociedade, sempre pautadas na competência, ética e dignidade, e, mesmo, aos 90 anos continua atendendo em seu consultório diariamente, sempre preocupado com sua atualização profissional”, frisou Fátima Couceiro.
 
“Estou feliz. Agradeço ao Conselho Regional de Medicina do Estado do Pará pela homenagem. Agradeço também à minha família, base de tudo.”, disse emocionado o médico Joaquim Queiroz.
 
Após a cerimônia, o homenageado recebeu do presidente do CRM-PA a placa como patrono da Semana do Médico 2016. O certificado foi entregue pelo médico oftalmologista e conselheiro, Oscar Pereira Júnior.
 
A cerimônia contou ainda com a apresentação do Madrigal da Universidade do Estado do Pará, que fez uma belíssima apresentação com músicas regionais.
 
 

Noite Cultural Marca o Dia do Médico
 
 

Música, literatura, pintura e fotografia marcaram o dia do médico na sede do Conselho Regional de Medicina do Estado do Pará. Médicos de várias especialidades mostraram suas habilidades fora dos hospitais e consultórios.
 
Os médicos Manoel Walber e Cláudio Guilhon apresentaram suas obras literárias em um bate papo descontraído. Manoel Walber escreveu um romance para abordar como fica difícil uma vida longa, a partir dos avanços conquistados pela sociedade.
 
Já Cláudio Guilhon apresentou uma obra espirita psicografada pelo espírito de Rita de Cássia, contando a trajetória de amor de um casal.
 
Dezoito obras confeccionadas em técnicas diferentes feitas pelos médicos Adolfo Fischer, Carlos Bragança e Graça Daguer ficaram expostos na sede do CRM para visitação. Além das obras, os médicos Newton Bellesi e José Rufino montaram uma exposição de fotos, retratando Belém e médicos em seus ambientes de trabalho.
 
A banda Plantão Extra, formada por médicos, existe há 10 anos, e tocou um repertório eclético, de Beatles a Bossa Nova.
 
“Atingimos o nosso objetivo. Fizemos uma programação onde foi possível agregar conhecimento e lazer”, afirmou Paulo Guzzo, presidente do CRM-PA.
 

Fonte: CRM-PA

Aviso de Privacidade
Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o Portal Médico, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.