O Conselho Federal de Medicina (CFM) elogiou publicamente nesta sexta-feira (15) a aprovação das novas diretrizes para a Política Nacional de Saúde Mental, pela Comissão Intergestores Tripartite. Para a autarquia, as mudanças devem contribuir para o fortalecimento da rede de atenção psicossocial no País. Em nota, o CFM informa ainda estar ciente de que a implementação dessa conquista exigirá um trabalho contínuo de acompanhamento e que se manterá atento na fiscalização dos compromissos assumidos.

O texto aprovado pela Comissão que reúne representantes do Ministério da Saúde e das Secretárias de Saúde de Estados e Municípios resultou, segundo o CFM, de amplo e democrático debate, “com foco permanente no fim da desassistência e no respeito aos direitos dos pacientes e seus familiares, bem como na qualificação do rol de serviços disponíveis”.

Clique aqui para conferir a íntegra do documento.

Aviso de Privacidade
Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o Portal Médico, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.