eleicoescfm2019Os médicos interessados em concorrer para os postos de conselheiro federal, titular e suplente, já poderão inscrever suas chapas. O período de registro, iniciado em 27 de maio, vai se estender até o dia 5 de junho. As informações sobre o pleito estão disponíveis em hotsites (acesse aqui) criados pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) e administrados pelos Conselhos Regionais de Medicina (CRM). As regras eleitorais estão previstas na Resolução 2.182/2018. As eleições para escolha dos novos representantes da classe médica no CFM ocorrerão nos dias 26, 27 e 28 de agosto, por meio do voto direto. Cada estado da Federação e o Distrito Federal deverão eleger um conselheiro federal efetivo e um conselheiro federal suplente. O mandato dos novos membros do CFM terá a duração de 5 (cinco) anos e se iniciará em outubro de 2019, com término em setembro de 2024.
 


Elegibilidade – As eleições ficarão sob a responsabilidade da Comissão Regional Eleitoral (CRE) designada pelo plenário de cada Conselho Regional de Medicina. São elegíveis os médicos quites com o CRM até o momento da inscrição da chapa. O candidato também deve assinar termo de aquiescência de sua candidatura e apresentar várias certidões, como o nada consta das justiças estadual e federal e certidão negativa de condenação transitada em julgado em processos ético-profissionais dos conselhos de medicina e de outro conselho que estiver inscrito.

O médico deve atender as condições de elegibilidade prevista na Resolução 2.182/18, que estabelece dezoito situações de inelegibilidade. Não poderão se candidatar, por exemplo, quem tiver seus direitos políticos suspensos ou que esteja impedido de exercer a medicina por determinação da Justiça ou por decisão administrativa do sistema conselhal. Também não poderá se candidatar quem tiver sido condenado, em decisão transitada em julgado, por corrupção eleitoral, entre outras condições.

Aviso de Privacidade
Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o Portal Médico, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.