logo junholaran sbq

Neste ano a ação contará com live interativa e publicações que visam a prevenção de acidentes

 

A campanha de prevenção a queimaduras intitulada Junho Laranja, promovida pela Sociedade Brasileira de Queimaduras (SBQ), terá em 2020 uma programação diferenciada neste ano. Com foco no público infantil, que é vítima em aproximadamente 40% cidentes, será feita on-line para alertar toda a população quanto aos riscos de acidentes com as crianças em casa.

No dia 1º de junho, monumentos em Brasília foram iluminados com a cor laranja, representando a simbologia do mês, em luta pela causa. A abertura oficial ocorrerá neste sábado (6), Dia Nacional de Luta contra Queimaduras, com uma live.

 A programação começa com uma contação de história, sensibilizando o público sobre o tema. Convidados farão o alerta sobre as situações de perigo, com risco de queimaduras dentro e fora de casa, onde e como buscar ajuda. A live também anunciará a programação técnica para o mês e apoiadores e patrocinadores destacarão a importância do Junho Laranja.

“Hoje, há um grande número de pessoas e instituições envolvidas no desejo e esforço para alcançar mais prevenção, mais acesso ao tratamento adequado e humanizado, reinserção pós-trauma. Pacientes, voluntários, sociedade civil organizada, setores do governo e outros colaboradores e lutadores da causa sempre de braços dados por essa luta”, ressalta o presidente da SBQ, José Adorno.

Ao longo de todo o mês de junho, serão realizadas lives científicas, voltadas a profissionais que lidam diretamente com pacientes vítimas de queimadura, além de campanha digital de conscientização da população em geral.

Acompanhe a programação no site www.sbqeimaduras.org.br/junho-laranja. Em breve, a SBQ disponibilizará o calendário completo:

junholar super sbq

1º de junho:

 – Iluminação de monumentos

 6 de junho: Live de abertura da programação

 18 de junho: Live científica.

 

 

Fonte: SBQ

Aviso de Privacidade
Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o Portal Médico, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.