Os membros da Câmara Técnica discutiram o tempo necessário aos programas de residência médica

As Câmaras Técnicas de Cirurgia Geral e de Medicina Marítima do Conselho Federal de Medicina (CFM) reuniram-se na manhã desta quarta-feira (10) para debater assuntos de interesse das duas áreas. A Câmara Técnica de Cirurgia Geral contou com a participação da integrante da Comissão de Ensino Médico Rosana Leite Melo, que apresentou os resultados do Fórum de Cirurgia Geral, realizado em março deste ano.

Durante o Fórum, representantes das sociedades de especialidade que têm a cirurgia geral como pré-requisito defenderam que seja de dois anos a residência em cirurgia geral para aqueles que vão se habilitar em outra especialidade. Durante a reunião da Câmara Técnica foi discutida como seria essa adaptação. Participaram do encontro, Rosana Leite, Edivaldo Massazo Utiyam, Jorge Curi (coordenador), Nailton Jorge, Paulo Roberto Corso, Sandro Scarpelin, Mauro Ribeiro e Sérgio Tamura.

Já a Câmara Técnica de Medicina Marítima deliberou sobre consultas feitas ao CFM e debateu o conteúdo de uma possível resolução regulamentadora do uso da câmara hiperbárica em embarcações de apoio para mergulhos em águas profundas.

A reunião da Câmara Técnica de Medicina Marítima debateu a elaboração de resolução sobre o uso da câmara hiperbárica em embarcações de apoio para mergulhos

Durante a reunião, o almirante Marco Antônio Montenegro apresentou seu livro autobiográfico “Um médico, marinheiro e aviador”, que conta a sua trajetória como médico no Parque Nacional do Xingu, ao lado dos irmãos indigenistas Vilas Boas, na Marinha do Brasil e em navios de cruzeiro, além de instrutor de voo na aviação civil. Um exemplar foi foi doado à biblioteca do CFM. Participaram dessa reunião, José Fernando Maia Vinagre (coordenador), Rosylane Rocha, Marco Antônio Montenegro, Leonardo Mendes e Guilherme Guimarães Wimmer.

Aviso de Privacidade
Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o Portal Médico, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.