Câmara Técnica debate proposta apresentada pelo CRM-PR
A Câmara Técnica de Cirurgia Plástica reuniu-se nessa sexta-feira (19) para deliberar sobre protocolos e debater temas atinentes à especialidade. Entre os protocolos, foram debatidas situações referentes à retirada de costelas flutuantes e ao uso do jato de plasma. A Câmara Técnica também tratou da defesa do ato médico e debateu uma proposta de um modelo de protocolo de atendimento nos casos em que um médico trata de sequelas provocadas por outro profissional. A proposta foi apresentada ano passado pelas câmaras técnicas de Cirurgia Plástica e de Dermatologia do Conselho Regional de Medicina do Paraná e está sendo analisada pelo Conselho Federal de Medicina.


“Tanto os pareceres a serem dados para responder as perguntas encaminhadas sobre os procedimentos, quanto à proposta de protocolo de atendimento devem ser analisados com muita calma, pois têm repercussões que precisam ser bem avaliadas”, argumentou o coordenador da Câmara Técnica, Pedro Nader. Participaram da reunião, Afrânio Bernardes, Gabriel Felsky dos Anjos, Lydia Ferreira, Nívio Lemos Moreira Júnior, Ogneu Meurekes Cosac, Pedro Nader, Ricardo Oliva Willhelm e Wanda Elizabeth Massiere y Correa.

Aviso de Privacidade
Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o Portal Médico, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.