O impacto da pandemia sobre a endoscopia digestiva foi o tema de webinar promovido pelo Conselho Federal de Medicina (CFM). A transmissão feita pelo canal do YouTube da autarquia contou com três palestrantes, seis debatedores e público que participou por meio do chat, com comentários e perguntas. As exposições dos especialistas Fauze Maluf Filho, Daniela Milhomem Cardoso e Flávio Ejima trouxeram subsídios para uma melhor compreensão sobre o cenário atual da endoscopia digestiva no País, que enfrenta sérias dificuldades diante da pandemia de covid-19.

ASSISTA AO VÍDEO COMPLETO DA APRESENTAÇÃO.

O coordenador da Câmara Técnica de Endoscopia Digestiva (CTED) e do evento on-line, o conselheiro Leonardo Emílio, avalia que o webinar atingiu seus objetivos. Ele destaca como benéfica a possibilidade de avaliar os efeitos da pandemia de covid-19 sobre a prática da endoscopia digestiva no Brasil. Segundo ele, os problemas desse setor decorrem da necessidade de observar novas normas sanitárias para a realização dos procedimentos endoscópicos, do aumento de custos de insumos e da exigência de EPIs para a realização de exames.

Participação – “O debate foi do mais elevado nível, contou com a participação de conselheiros do CFM e a presença oportuna e efetiva da representante da ANS, Ana Cristina Martins, que abriu as portas para um árduo trabalho a ser feito para resolver questões agudas e crônicas referentes à viabilidade dos serviços de endoscopia digestiva no Brasil”, comentou Leonardo Emílio.

Um dos debatedores, o presidente da Sociedade Brasileira de Endoscopia Digestiva (SOBED), Ricardo Anuar Dib, ressaltou a importância da iniciativa do CFM. “Essa discussão traz expectativas de sobrevida para nossa especialidade. Estamos aqui para pedir socorro e ajuda. Identificamos dados expressivos da diminuição de exames e falta de diagnósticos hoje no Brasil e se não encontrarmos uma saída a nossa especialidade pode acabar”, disse.

Além de Ricardo e Ana Cristina, também participaram dos debates o conselheiro do CFM, Adriano Meira, o 2º vice-presidente do CFM, Alexandre de Menezes e os conselheiros do CFM e membros da CTED, Florentino Cardoso e Nailton Lyra. A íntegra do webinar, realizado em 12 de maio, se encontra disponível no canal do CFM no Youtube.

Aviso de Privacidade
Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o Portal Médico, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.