No dia 27 de setembro é comemorado o Dia Nacional da Doação de Órgãos, no Brasil. Durante todo o mês, a Associação Brasileira de Transplante de Órgãos (ABTO) realiza diversas ações para conscientizar a população brasileira sobre a importância de doar órgãos. Hoje, ocupamos a segunda posição dos países que mais realizam transplantes, atrás apenas dos Estados Unidos.

No Brasil, para ser doador de órgãos e tecidos, não é necessário deixar nada por escrito. Basta avisar sua família, dizendo: “Quero ser doador de órgãos”. Os órgãos que podem ser doados são: rins, coração, pulmões, fígado, pâncreas e também tecidos, como córneas, pele e ossos.

Quando a pessoa não avisa a família sobre sua vontade de ser doador, ela fica em dúvida no momento de autorizar a doação. Reflexo disso é o alto índice de famílias que se recusam a doar os órgãos de seus entes queridos, que no Brasil é aproximadamente 40% .

Devido ao cenário atual da pandemia houve uma diminuição do número de doadores de órgãos, e consequente aumento de pacientes aguardando na fila para transplante, que atualmente ultrapassa 40.000 pacientes. Continuamos trabalhando arduamente para manter a alma do programa de doação e transplante viva, buscando novamente parcerias para conscientizar a população e aumentar o número de doadores de órgãos.

Durante o mês serão realizadas diversas ações como:

  1. Iluminação de monumentos na cor verde – mês de setembro;
  2. Mensagens nos painéis eletrônicos das Rodovias do Estado de São Paulo – mês de setembro
  3. Mensagem nos relógios das ruas de São Paulo – mês de setembro;
  4. Parcerias com a GOL, Latam, FIESP, Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo para veiculação em seus canais de comunicação

Sobre a ABTO – A Associação Brasileira de Transplante de Órgãos é uma sociedade médica, civil e sem fins lucrativos, que tem por finalidade estimular o desenvolvimento de todas as atividades relacionadas com os transplantes de órgãos no Brasil e congregar os profissionais e as entidades envolvidas com ou interessadas em transplante de órgãos. A instituição contribui também para o estabelecimento de normas, criação e aperfeiçoamento da legislação relacionada aos transplantes, além de estimular a criação de centros de doação, bancos de órgãos, serviços de identificação de receptores, etc. A ABTO promove a realização de congressos, simpósios, conferências e outras atividades relacionadas com transplante de órgãos, difundindo junto ao público em geral o significado humanitário, científico e moral da doação de órgãos para transplante.

 

Fonte: ABTO

Aviso de Privacidade
Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o Portal Médico, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.