Rede dos Conselhos de Medicina
Projeto humaniza Atendimento do SUS Imprimir E-mail
Dom, 14 de Julho de 2002 21:00
“Posso Ajudar?” é o nome do projeto que está revolucionando o atendimento aos pacientes do Hospital Mosenhor Walfredo Gurgel, do município de Natal (RN), e despertando a atenção de outras unidades de saúde no país. A ação dos dez funcionários do projeto, que se revezam em três turnos, permite que o hospital atenda, por dia, todos os cerca de 800 pacientes que procuram atendimento. Quando o paciente chega ao hospital, o funcionário se dirige a ele, pergunta qual o seu problema e o encaminha para o atendimento. “Para o paciente, uma palavra e o calor humano valem muito mais que a sinalização gráfica indicando o local do atendimento. Muitas vezes o paciente chega ao hospital num determinado estado psicológico que nem consegue entender o que está lendo”, observa Erivaldo da Costa, o funcionário de nível médio que idealizou o “Posso Ajudar?” e, hoje, coordena o projeto. Essa experiência vem revelando que, para um bom atendimento médico, criatividade e boa vontade são tão importantes quanto a modernização dos equipamentos e de outras instalações hospitalares. “Além de tornar o atendimento mais rápido, o projeto passa segurança e tranqüilidade ao paciente, influindo positivamente na eficácia do procedimento médico”, observa o coordenador. “Ninguém fica sem atendimento”, comemora Erivaldo da Costa. O Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel foi inaugurado em 1979. Em 8 de fevereiro de 2001, foi inaugurado o novo pronto-socorro. O projeto começou a ser executado em agosto de 2001 e foi uma das principais experiências divulgadas durante o Seminário Qualidade da Gestão e da Assistência Hospitalar, coordenado pelo Ministério da Saúde. O seminário foi um espaço para divulgação e discussão de experiências bem sucedidas na assistência aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS). No evento houve a entrega da segunda edição do prêmio Qualidade Hospitalar que foi feita pelo ministro da Saúde, Barjas Negri, às instituições que se destacaram pela qualidade da assistência prestada. Os premiados foram escolhidos mediante avaliação dos próprios pacientes e o resultado foi apurado por meio da Pesquisa de Satisfação dos Usuários do SUS. FONTE: Ministério da Saúde
 
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner