Conselho lamenta tragédia ocorrida com delegação da Chapecoense Imprimir
Ter, 29 de Novembro de 2016 13:45

O Conselho Federal de Medicina (CFM) emitiu nota em que manifesta pesar pela queda do avião que transportava a delegação da Chapecoense (SC) para a primeira partida da final da Copa Sul-Americana de futebol, ocorrida na madrugada desta terça-feira (29), na Colômbia. Aos sobreviventes, os representantes da autarquia expressaram o desejo de recuperação da saúde e a superação do trauma emocional pelo ocorrido.
 

NOTA À SOCIEDADE

 
Diante do trágico acidente que vitimou a equipe do Chapecoense e vários jornalistas e tripulantes que estavam em voo que ia de São Paulo (SP) para a cidade de Medellín, na Colômbia, o Conselho Federal de Medicina (CFM), manifesta o sentimento de pesar e a solidariedade aos familiares, amigos e admiradores do time de Santa Catarina e dos outros profissionais que perderam na vida, nesta madrugada.
 

O CFM expressa, ainda, aos sobreviventes, o desejo de recuperação da saúde e a superação do trauma emocional pelo ocorrido.


Brasília, 29 de novembro de 2016.
 
CONSELHO FEDERAL DE MEDICINA (CFM)