Rede dos Conselhos de Medicina
Câmara Técnica de Medicina Aeroespacial vai editar cartilha Imprimir E-mail
Seg, 19 de Junho de 2017 11:06

Participantes da Câmara Técnica também debateram Código Brasileiro de Aeronáutica
Em um voo comercial, quais medicamentos e equipamentos a aeronave deve ter e como devem ser guardados? A resposta para esta e outras perguntas farão parte de uma cartilha, a ser editada pela Câmara Técnica de Medicina Aeroespacial do Conselho Federal de Medicina (CFM), com informações sobre a organização dos kits médicos dos aviões de carreira. A decisão sobre a edição da cartilha, que vai expor de forma didática o que está previsto na legislação, foi tomada em reunião realizada na última quarta-feira (14).

Para o coordenador da Câmara Técnica, Emmanuel Fortes, a cartilha vai ajudar não só os médicos que tenham de socorrer alguém em voos, como os comissários. “De forma didática, vamos mostrar quais medicamentos devem constar a bordo e de qual forma devem ser organizados, levando em conta as principais morbidades registradas nos voos”, explicou. A proposta da cartilha foi elaborada pela presidente da Sociedade Brasileira de Medicina Aeroespecial, Vânia Elizabeth Ramos Melhado, a partir do que já está previsto em resoluções da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

“O que vamos propor é a classificação das patologias, com os medicamentos sendo separados por especialidade e dispensados em invólucros com cores diferentes para que o manejo seja facilitado”, explica Emmanuel Fortes. A Câmara Técnica também debateu na reunião desta terça-feira o projeto de lei 258/16, que institui o Código Brasileiro de Aeronáutica.

Participaram desta reunião, Emmanuel Fortes, Albert Costa Rebello, Flávio José Morici Paula Xavier, Hélvio Chagas Ferro, Marcos Afonso Braga Pereira, Rodrigo Déca Neves e Vânia Elizabeth Ramos Melhado.

 
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner