Rede dos Conselhos de Medicina
Selecione o Conselho que deseja acessar:
Próximo encontro da CMLP será em Maputo, Moçambique Imprimir E-mail
Sex, 12 de Maio de 2017 16:19

Durante assembleia da Comunidade Médica dos Países de Língua Portuguesa, o presidente do Conselho Federal de Medicina, Carlos Vital, destacou que a autarquia assumiu posição relevante no debate médico mundial

 

O próximo encontro dos países da Comunidade Médica de Língua Portuguesa será realizado em setembro de 2018 na cidade de Maputo, Moçambique. A decisão foi tomada durante uma assembleia reunindo representantes do Brasil, Portugal, Moçambique, Macau, Timor Leste, Cabo Verde e Guiné Bissau e encerrou as atividades do VIII Congresso da Comunidade Médica de Língua Portuguesa (CMLP). Também foram temas de debates da assembleia o projeto do Observatório Lusófono de Sistemas e Políticas de Saúde, capitaneado pelo grupo; a criação de um website da CMLP; e a consolidação do grupo "Task Force Jovens Médicos", que reúne as principais novas lideranças do movimento médico nos países-membros da comunidade.

De acordo com o projeto do grupo, o Observatório Lusófono de Sistemas e Políticas de Saúde será coordenado pela CMLP e terá como objetivo e missão contribuir para boas políticas e estratégias na área da saúde pública, otimizar a experiência dos países que compõem a CMLP, e criar documentos, materiais e informativos nesse sentido.

Durante a reunião, o presidente do Conselho Federal de Medicina (CFM), Carlos Vital, enfatizou a importância da busca de parcerias com entidades congêneres que valorizem as ligações históricas, culturais e linguísticas que unem os países lusófonos, "porque há muitos pontos convergentes e potencialidades a serem exploradas". Ressaltou, ainda, a importância da colaboração no campo educacional entre os países. Um exemplo é o projeto do Instituto de Medicina Integral Professor Fernando Figueira (IMIP), em Pernambuco, que se consolidou como hospital de referência para aprendizado de estrangeiros, recebendo alunos de outros países como Cabo Verde, Angola e Moçambique há mais de três décadas.

O presidente do CFM lembrou ainda que as regras para estágios de médicos estrangeiros são regulamentadas pelo CFM (Resolução 1.832/2008) e que a autarquia vem, ao longo dos anos, consolidando parcerias e cooperações internacionais com entidades médicas sediadas em diversos países e que se correlacionam, em aspectos diversos, com a medicina brasileira.

Nessa perspectiva e como fruto desse espírito de internacionalização, o conselho assumiu posição relevante no debate médico mundial no âmbito América Latina e Ibero-América (por meio da Confemel), da regulação da Medicina (por meio da IAMRA), na área de acreditação de escolas médicas (buscando o prestígio internacional de seu sistema e a reconhecimento internacional da World Federation for Medical Education), na área de ensino e reflexões bioéticas (com parcerias educacionais com a Universidade do Porto), além das ligações culturais e linguísticas valorizadas por meio da Comunidade Médica de Língua Portuguesa (CMLP).

O VIII Congresso da CMLP aconteceu em Brasília (DF) de 4 a 6 de maio e abordou temas como a resistência antimicrobiana, doenças crônicas, emergências nos hospitais públicos e desafios em saúde nos países de língua portuguesa. O evento é promovido anualmente pela CMLP – que congrega cerca de 480 mil médicos, distribuídos em quatro continentes – e conta com o apoio e organização da Associação Médica Brasileira (AMB) e do Conselho Federal de Medicina (CFM).

Confira mais detalhes sobre o congresso em: http://portal.cfm.org.br/

Confira a galeria de fotos em: https://www.flickr.com/photos/cfmimprensa/albums/72157680290075743

 
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner

© PORTAL MÉDICO 2010 - o site do Conselho Federal de Medicina -Todos os direitos reservados
SGAS 915 Lote 72 | CEP: 70390-150 | Brasí­lia-DF | FONE: (61) 3445 5900 | FAX: (61) 3346 0231| E-mail: cfm@portalmedico.org.br

FECHAR X